As raças de cachorro

abril 22, 2015 3:38 pm Publicado por Deixe um comentário

Muitos donos ao escolher um cão para parceiros o fazem unicamente pelo fator estético (“ele é muito bonito”); outros o fazem por projeção (“ele precisa de mim”).

Porém o que essas pessoas se esquecem é que os cães até bem recentemente tinham funções específicas (caça, guarda, pastoreio etc.). Para que realizassem de forma eficiente seus trabalhos essas raças tinham que ter características específicas. Essas características são boas com relação ao trabalho original do cão, porém podem ser muito desvantajosas quando se coloca em outro contexto.

Aqui vão alguns exemplos:

  • Os cães pastores (como Border colleis, Autralian Sheepdog, Pastores de Shetland, dentre outros) são considerados os cães mais inteligentes dentre as raças. Isso porque eles aprendem muito rápido os comandos. Porém trata-se de uma raça selecionada para pastoreio, ou seja, um trabalho que exige disposição física de horas ao dia. Se tirarmos esses cães do trabalho e colocarmos em um espaço pequeno, sem grande atividade, o cão se tornará muito ansioso, podendo até mesmo a ficar agressivo. Dessa maneira quem pretende ter um cão de alguma dessas raças tem que estar disposto a realizar atividades físicas e mentais com ele diariamente, muitas vezes mais de uma vez ao dia.
  • Cães Caçadores (Goldens Retrievers, Labradores, beagles, dentre outros): normalmente são dóceis com adultos e crianças, sendo as raças que as pessoas mais preferem. Eles foram selecionados para acompanhar os caçadores em suas caçadas e também para o recolhimento de presas. Curioso é que algumas raças foram selecionadas para pegarem presas pequenas em lugares apertados (como os Dashouns), daí o fato de alguns deles terem uma aparência curiosa. Um dos comportamentos mais comuns dessas raças é o de trazer objetos (sejam quais forem), também sendo comum o comportamento destrutivo. Isso pode se tornar um incomodo para um dono desavisado, seu cão irá adorar pegar coisas com a boca e caso não tenha objetos que possa destruir irá escolher alguns como móveis da casa, por exemplo.
  • Cães de guarda e briga (Rotweillers Pit Bulls terrier, Pastores Alemão, bull dogs): por serem cães fortes e de temperamento forte, são considerados por muita gente como sendo agressivos e imprevisíveis. Essa é uma lenda que se espalhou devido ao fato de muitos donos (especialmente de Pit Bull e Rotweillers) criarem seus cães com privação de água e comida e sujeito a algumas técnicas de maus tratos (antigamente acreditava-se que isso deixaria o cão melhor para guarda). Com isso os cães ficavam agressivos e por se tratarem de cães grandes as mordidas eram sérias.

Porém devemos levar em consideração que qualquer cão criado em condições precárias pode desenvolver comportamento agressivo. Com isso se tratarmos os cães dessas raças de modo carinhoso eles certamente irão corresponder a esse carinho. Uma característica muito marcante em algumas raças dessa categoria (especialmente os Bull dogs, Bull terriers, Pit Bulls), são as brincadeiras de mordidas. Dessa maneira quando um dono quiser ter alguma dessas raças deverá corrigir, desde cedo, as mordidas de seu cão para que isso não se torne um problema futuro.

Tag: , , , , , , , ,

Categorizados em:

Este artigo foi escrito porFausto Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *