Creche "Ossos do Ofício" - Primeiros socorros

Primeiros socorros para cachorros

janeiro 8, 2017 9:04 am Publicado por Deixe um comentário

Em caso de Trauma

Atropelamento, mordida por outro cachorro ou uma queda. Deve carregá-lo com cuidado na posição horizontal, se possível, para evitar agravamento da lesão, principalmente em se tratando da coluna vertebral.

Verifique se a boca está obstruída por sangue, saliva ou outra substância e se o cachorro está respirando sem dificuldade. Se uma ferida estiver sangrando muito, pressione-a com um dedo ou um pano, a fim de estancar o fluxo e formar um coágulo.

Se uma pata estiver quebrada e o osso estiver exposto para fora da pele, evite tocá-lo e cubra-o com um pano limpo para minimizar a chance de infecção. Feitos os primeiros socorros, leve-o imediatamente ao veterinário.

Saúde de seu cão na "Ossos do Ofício"

Se acontece uma Picada de inseto ou cobra

As picadas ou ferrões de insetos causam inchaço e às vezes uma reação alérgica. Se essa reação ocorrer internamente pode resultar em dificuldades respiratórias. Você pode tentar retirar o ferrão com uma pinça, se conseguir enxergá-lo. Em seguida, leve seu cachorro ao veterinário para que ele administre um anti-inflamatório adequado para minimizar a reação. No caso de picada de cobra, não pressione o local da picada, nem faça um torniquete. Leve-o o mais rápido possível ao veterinário para tratamento adequado.

E no caso de Envenenamento ou intoxicação

Filhotes e cachorros mais jovens costumam comer tudo que veem de diferente. No caso de envenenamento, não lhe dê leite nem outro líquido. Não coloque seus dedos na garganta do cachorro para fazê-lo vomitar. Você precisa levá-lo o quanto antes ao veterinário. Em caso de convulsões, não tente segurar a língua do cachorro, pois você pode levar uma mordida. Tenha em mente que nem todas as substâncias causam intoxicação imediata. Algumas provocam sinais apenas horas mais tarde, como por exemplo raticidas.

Lembre-se sempre de levar ao veterinário a caixa ou embalagem da substância responsável pela intoxicação. Isso provavelmente irá auxiliar o doutor na escolha do tratamento adequado, salvando a vida do seu cachorro.

No entanto, é sempre muito importante que o dono do animal encaminhe o pet para atendimento em uma clínica veterinária especializada, onde ele poderá receber o tratamento adequado.

Quem tem animais em casa sabe que nem sempre eles têm a noção exato do perigo que correm em simples ações. Atravessar a rua e pular de grandes alturas, por exemplo, podem resultar em grandes lesões e ferimentos graves.

Tag: , , , , , , ,

Categorizados em:

Este artigo foi escrito porRicardo Assumpção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *