Quantos cães existem no mundo?

Quantos cães existem no mundo?

fevereiro 20, 2017 10:24 am Publicado por Deixe um comentário

Dados recentes indicam que a população de cães, no mundo, já supera os 500 milhões de indivíduos. Esse número pode ser ainda maior, pois em regiões mais remotas do planeta não há métodos precisos para a identificação de toda a população, especialmente os cães de rua.

O crescimento populacional dos caninos foi impulsionado nas últimas décadas muito em função do desenvolvimento da medicina veterinária, medicamentos para tamanhos e raças específicas, rações para cada tipo de cão e dietas naturais que complementam a nutrição de nossos amigos. Tudo isso suportado por uma indústria de consumo que ultrapassa a módica cifra de 100 bilhões de dólares anuais. Isso mesmo, trata-se, segundo analistas, do segundo maior mercado de consumo do mundo.

Com tanto dinheiro envolvido, essa é uma indústria que se retro-alimenta, e como precisa de crescimento constante, incentiva a aquisição de mais cãezinhos por seres humanos. Mas outros fatores estão por trás desse número impressionante de cachorros. Um deles é a facilidade de adaptação dos cães ao mundo humano. Como cita Stanley Coren no seu livro “Os Cães Sonham?” (pág. 206), “Quando Charles Darwin falou a respeito da sobrevivência do mais apto, … Estava falando da sobrevivência das espécies mais bem-sucedidas na reprodução e sobrevivência de seus descendentes para se reproduzirem”.

Ou seja, além de se adaptarem muito bem ao universo humano, cuidamos da saúde e alimentação dos cães, o que facilita sua capacidade de se reproduzir. Além, disso, não tem predadores naturais. Outro fator muito interessante citado por Stanley Coren em seu livro é que, como subproduto da domesticação, nós mudamos seus padrões de procriação. Assim, enquanto fêmeas de lobos e cães selvagens entram no cio uma vez por ano, a grande maioria das raças domesticadas o faz duas vezes por ano, produzindo o dobro de descendentes.

Se os fatores acima impulsionam o crescimento da espécie, acabam também gerando uma superpopulação de cães. Felizmente vemos, aqui em nossa creche para cães, um número grande de animais adotados. Mas ainda é pouco. Nos Estados Unidos, por exemplo, estima-se que entre 4 e 6 milhões de cães sejam sacrificados anualmente simplesmente por falta de quem os adote!!!

Num universo de famílias reduzidas, cães fazem parte importante da vida afetiva dos humanos. Adquirir um cãozinho ou mesmo adotá-lo, dar afeto, carinho, cuidado veterinário, alimentação adequada e providenciar a correta socialização, nos faz sentir mais úteis por cuidar de uma espécie que nos acompanha há dezenas de milhares de anos. Como já falamos em alguns posts, vivemos numa sociedade inter-espécie. Penso que nosso compromisso com o planeta passa, também, por criar condições de uma vida melhor aos nossos melhores amigos.

É isso aí, pessoal, até o próximo post!

Abraços,

Ricardo – Ossos do Ofício – Creche e Hotel para Cães

11 9.4197-7799

Tag: , , , , , , , , ,

Categorizados em:

Este artigo foi escrito porRicardo Assumpção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *